Come Together: conheça nosso programa de ensino de inglês!

No Oswald, consideramos o aprendizado de uma língua adicional um recurso importante para a aquisição de conhecimento, a compreensão das diversas culturas e a capacitação para agir no mundo. Por isso, idealizamos o Come Together, um programa extracurricular de imersão ao inglês para alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio.

O Come Together tem como proposta potencializar a aquisição da língua inglesa, proporcionando um aprofundamento no idioma de forma intensa, atendendo às necessidades do cidadão do século XXI.  

Ao mesmo tempo em que muitos especialistas afirmam ser ideal iniciar o aprendizado de uma língua adicional ainda na primeira infância, também há uma corrente que defende que na adolescência o aprendizado será mais potente, pois a memória dos alunos nesta fase permite que absorvam de forma muito mais rápida as informações.

“Apesar de haver divergências sobre a melhor fase para começar a estudar uma língua adicional, no Oswald iniciamos aos 4 anos no ensino regular e aos 3 anos no extracurricular. Reconhecemos que, dentre outras vantagens em iniciar esse estudo mais cedo, há principalmente o ganho para a pronúncia do falante, que fica mais precisa e livre de sotaque, já que nesse período os órgãos e a aquisição da fala ainda estão em formação”, explica nossa Coordenadora de Línguas Adicionais, Cristina Ramos.

Além disso, ela acredita que “o indivíduo que começa cedo vai ficar mais tempo exposto à língua, o que resultará em mais efetividade no aprendizado. Quanto mais treino, mais craque o jogador fica, não é mesmo?”, completa.

 

Programa Come Together

Fundamentado nos mesmos pilares de ensino de línguas adicionais do Colégio Oswald (que você pode conhecer na página de Línguas Adicionais) o Come Together prevê 7, 10 ou 15 horas de atividades em inglês no período de contraturno escolar, de acordo com as escolhas da família, para alunos com idade entre 3 e 10 anos. Para as turmas de Ensino Fundamental II e Ensino Médio, o programa é de 4 horas, divididas entre preparo para exames e oficinas. Os grupos são denominados Fly 1, que acontece na Unidade Madalena; Fly 2, Fly 3 e Fly 4, na Unidade Girassol II; e Fly 5 e Fly 6, na Unidade Cerro Corá.   

Para cumprir o seu propósito de potencializar a aquisição do inglês de forma natural e espontânea, o Come Together dá ênfase à comunicação envolvendo os alunos em situações reais e significativas, por meio de atividades práticas, projetos e oficinas.

Segundo Cristina, os projetos partem de um tema diretriz proposto com base nos interesses dos alunos e têm uma proposta de culminância acordada com eles. O desenvolvimento desses projetos segue o ritmo e a trajetória de cada grupo, mas conta com expectativas de aprendizagem e atividades avaliativas claras, descritas pelos educadores.

“Nos grupos iniciais, as crianças são expostas a assuntos por meio de recursos orais que apresentam a língua genuína – sem simplificações – e falada em ritmo natural. O conteúdo de vocabulário e estruturas, bem como as expectativas quanto às habilidades de compreensão e produção dos alunos são trabalhados de forma variada e intencional”, explica.

De acordo com a Coordenadora, as avaliações serão baseadas na observação contínua dos alunos, que pode ser registrada por escrito ou em vídeo e compartilhada com as famílias por meio de relatórios de grupo semestrais, com fotos e links.

Já nos grupos de crianças maiores, serão desenvolvidas também as habilidades linguísticas de leitura e escrita, com a sistematização de conteúdos no caderno dos alunos. O processo de ensino do programa tem base na metodologia de aprendizagem CLIL (Content and Language Integrated Learning), que integra conteúdo e linguagem utilizando a língua não como uma finalidade em si, mas como meio; isto é, como instrumento de se alcançar o fim.

O programa Come Together é composto por momentos de construção e de imersão planejados com uma regularidade predeterminada, variando de acordo com o estágio dos grupos. “Um diferencial, que tem a marca do Oswald, é que em determinados momentos o programa oferece atividades eletivas, o que permite que os alunos se inscrevam em oficinas de acordo com seus interesses”, conclui a Coordenadora.

Todas essas estratégias buscam promover um aprendizado real, que alcance resultados sólidos, fazendo do inglês algo natural e prazeroso durante seu processo de desenvolvimento educacional.  

Acesse o site do programa e saiba mais sobre o Come Together!